Terça 11/12/2018
22h:29min
Esporte
Jacobina decide disputar a Copa Governador do Estado
O Jacobina Esporte Clube vai disputar a Copa Governador do Estado 2015
Mais Política.

O Jacobina Esporte Clube vai disputar a Copa Governador do Estado 2015. A informação foi confirmada pelo presidente do clube, Rafael Damasceno, na manhã desta terça-feira (18). O clube vai mandar seus jogos no Estádio de Pituaçu, em Salvador. O Jacobina entrou na disputa por ter herdado a vaga do Galícia, que por sua vez, havia herdado do Flamengo de Guanambi.

A competição terá início em 17 outubro e se encerrará em 29 de novembro. Antes de a bola rolar, a Federação Baiana de Futebol e os clubes se reuniram e realizaram o já tradicional Conselho Técnico.

A diretoria da entidade e os oito participantes definiram os últimos detalhes para a disputa. Fórmula, mandos de campo, valores de ingressos e a distribuição das vagas para campeão e vice foram acertados no encontro, na manhã desta terça-feira (18).

O regulamento da Copa seguirá o utilizado em 2014. Mais uma vez, as oito agremiações serão divididas em dois grupos de quatro para a fase de classificação.

No Grupo 1 ficarão Fluminense, Jacobina, Juazeirense e Vitória. Já no Grupo 2, os duelos serão entre Bahia, Bahia de Feira, Colo Colo e Vitória da Conquista.

O Bahia de Feira ficou com a vaga do Jacuipense, que era o sexto colocado do Baianão e declinou da disputa.

Após jogos apenas de ida, os dois melhores colocados de cada grupo avançarão para a segunda fase, a semifinal. Na semifinal, os quatro classificados são novamente divididos em dois grupos, de números 3 e 4, onde os dois melhores garantem vaga na final.

Assim como no ano passado, o campeão da Copa Governador terá o direito de escolher a vaga na Copa do Brasil ou na Série D do Brasileirão. O vice-campeão ficará com a vaga que sobrar.

No encontro, cada clube teve o direito de escolher os horários e dias do final de semana que pretende mandar seus jogos. As partidas com mando de Bahia e Vitória, sempre que possível serão realizadas nas preliminares dos confrontos de ambos na Série B do Brasileirão.

O valor mínimo para a cobrança do ingresso permanecerá R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). A FBF manteve o desconto de 50% nas taxas de inscrições de atletas e transferências de jogadores de Federações conveniadas e ainda inovou nesta edição. Ciente das dificuldades encontradas pelos clubes e no intuito de colaborar para que cada um dos oito possa equilibrar suas finanças e investir na montagem dos seus elencos, a entidade irá cobrir toda a despesa de arbitragem, incluindo deslocamento e taxas do quarteto de árbitros de todos os 18 confrontos. Além disso, os 5% da renda bruta dos jogos que é de direito da FBF por estatuto, será revertida para os clubes.

As agremiações participantes estiveram representadas pelos presidentes do Bahia de Feira, Thiago Souza; do Colo Colo, Walter Telles; Vitória da Conquista, Ederlane Amorim; além do supervisor de futebol do Bahia; Miguel Batista; do coordenador das Divisões de Base do Vitória, Carlos Anunciação; os vice-presidentes do Fluminense, Luiz Paolilo Filho e José Chico; presidente do Conselho Deliberativo do Jacobina, Deputado Manassés; e o diretor jurídico da Juazeirense, Randerson Leal.

Os clubes terão até o dia 8 de setembro para apresentar todos os laudos técnicos dos estádios onde mandarão seus jogos. Por conta das reformas na maioria dos estádios,já visando a temporada 2016, o Bahia de Feira mandará os jogos em Luis Eduardo Magalhães, o Flu de Feira em Riachão do Jacuipe, o Juazeirense em Senhor do Bonfim, o Jacobina em Pituaçu, o Bahia também em Pituaçu, o Vitória no Barradão, o Colo Colo em Ilhéus e Vitória da Conquista, no estádio Edvaldo Flores, na própria cidade, devido às obras no Lomanto Júnior.
19/08/2015 15h22
carregar mais notícias